Vem aí o 3º Festival de Cerveja Artesanal no Memorial da América Latina - MISTURA URBANA

Vem aí o 3º Festival de Cerveja Artesanal no Memorial da América Latina

Cervejaria Nacional - chopes da casa - crédito Antonio Rodrigues

Depois do sucesso das duas primeiras edições, o Festival de Cerveja Artesanal está de volta para alegria dos fãs da loira, da ruiva e da black geladas. É cerveja para todos os gostos e paladares, tanto na forma da bebida tão apreciada pelos brasileiros, como em lanches e outras iguarias. Tudo isso no com entrada gratuita, em um lugar de fácil acesso por transporte público (tem ponto de ônibus pertinho e está ao lado da estação Barra Funda de metrô e trem), bike (ciclovia no canteiro central da Av. Auro Soares de Moura Andrade e bicicletário ao lado do portão 9), ou carro (estacionamentos pagos nos portões 4, 8 e 15).

Crazy Rocker, Beer Truck CDG, Lhama Loca, FiftiesBeer, Cervejaria Three Lions, 961 Beer, Oak Bier, Mea Culpa, Cervejaria Satélite, Ravache, Doktor Brau, Chopp do Truck, Skenta Chopps, Bendito Chope, levarão os mais variados tipos de chopps e cervejas (em copos, garrafas e kits) como Irish Red Ale, India Pale Ale (IPA), Witbier, Pilsen Puro Malte, Lager, Lebanese Pale Ale, Porter, American Lager, Boemia Pilsener, India Brow Ale, Hopweizen, German Pilsen, American IPA, Weiss, Bock, American Pale Ale (APA), Bohemian Pilsner, American Stout, AAA Hop Power, Natura Extra, Lager Premium, Weiss Citrus, Red Ale e Stout Rock, Imperial IPA, Blonde Ale, Anesthes’IPA, Psicot’IPA.

Quem preferir a bebida produzida com frutas ou pimenta, tem que dar um pulinho na Cervejaria Brasiliana: a Madureira é uma Saison com jabuticaba, a Farroupilha, Vienna Lager com pêssego, e a Arretada, IPA com pimentas, ou na Quinta do Malte, que tem a Rubra, uma Orange Wheat Ale, com maltes de trigo, aveia e laranja. A Freaktion levará a Annie Jones (India Brow Ale mais pululada e com toque de defumado) e a Lucia Zarate (hopweizen que usa lúpulos da Austrália e Nova Zelândia). Na Oak Bier, entre outros tipos, pode ser encontrado o Rapa Dunkel, chopp que utiliza rapadura em sua maturação. Um randall (filtro) com lúpulo em flor e tangerina onde a cerveja pode passar no momento de servir no copo é um opcional da Cervejaria Satélite.

Tem até cerveja premiada no concurso nacional de cervejas, a Ipa (medalha de ouro) e a Witbier (medalha de prata) da Schornstein (SP Chopp Bike). No Memorial da América Latina, você terá oportunidade de apreciar as cervejas que mais lhe agradam ou aproveitar a oportunidade e experimentar algo novo.

Bendito Chope - garrafas

Mea Culpa - Ira, Gula e Vaidade

Prefere a cerveja em outros pratos? A JK Gastronomia oferece duas deliciosas opções de lanches de maminha desfiada cozida na cerveja preta – o Dona Onça, que leva creem cheese com ervas finas e crips de bacon, e o Philly, com queijo cheddar derretido e cebola crisp. Na Deca Delícias tem carne desfiada no molho de cerveja servida na baguete ou carne desfiada com polenta, no pote. Milk shake de cerveja? Tem também: o Vulcano Beer, do Vulcano Shake. E os fãs de cervejas ainda podem encontrar abridores, bonés e camisetas das cervejarias.

O 3º Festival de Cerveja Artesanal acontece simultaneamente ao Festival Gastronômico Latino, o Mercado de Criadores e à Feira de Vinil. Todos os eventos são realização da Art Shine Promoções e Eventos e têm apoio cultural da Fundação Memorial da América Latina, Governo do Estado de São Paulo e Secretaria de Cultura do Estado de São Paulo.

Serviço

3º Festival de Cerveja Artesanal – Entrada gratuita
Data: 19 e 20 de março
Horário: das 10h às 21h
Local: Memorial da América Latina
Endereço: Av. Auro Soares de Moura Andrade, 664
Estacionamento: Portões 4, 8 e 15 (pago)
Bicicletário: ao lado do portão 9
Para mais informações aqui.

Quinta do Malte - Hop Lager - Crédito Leto Guilherme - foto miyashiro

Se cadastre no nosso MAILING e fique por dentro de tudo o que está rolando aqui!

Comments

comments

Natt Naville

Natt Naville

Veja todos os posts

Natt Naville é jornalista e gosta de tudo que envolve o universo da comunicação. Entre palavras e histórias: Música. Música para tocar, para ouvir e dançar. Editora do Mistura Urbana, gosta de criar, recriar e se reinventar. Vive no paraíso azul da Grécia.