Exposição na Transarte reúne trabalhos de 10 artistas que discutem gênero e identidade - MISTURA URBANA

Exposição na Transarte reúne trabalhos de 10 artistas que discutem gênero e identidade

Bia Leite - Badmonge e Mandaprobell
Bia Leite – Badmonge e Mandaprobell

A Transarte apresenta a partir de 14 de novembro, das 13h às 19h, a mostra dos artistas premiados na primeira edição do “Edital LGTB: Gênero e Identidade”. O Edital selecionou e premiou dez nomes que, com seus trabalhos, formam uma pequena, mas representativa mostra sobre a produção engajada na promoção e reflexão sobre a questão da identidade de gênero no Brasil.

Vale a pena destacar que, este edital, assim como todos os projetos realizados pela Transarte, é uma produção totalmente independente, sem apoio financeiro governamental, pensada somente para fomentar a arte brasileira desvinculada de qualquer tipo de imposição estética, social, política, econômica e ou cultural.

O júri, formado por Maria Helena Peres, da Transarte, pela artista Maria Bonomi, pelo fotógrafo Cássio Vanconcelos e pelo crítico e curador João Spinelli, Além de professores universitários, analisou 220 portfólios e escolheram trabalhos que rompem com o status quo, e desafiam pela temática e limites de representação. Quatro artistas foram agraciados com prêmios em dinheiro, outros seis foram selecionados para participar da exposição e catálogo.

Rodrigo Mogiz- Dois-Far¢is
Rodrigo Mogiz- Dois-Far¢is

Artistas premiados:

O artista Rafael Bandeira, de Belém (PA), levou o primeiro lugar (prêmio de R$ 3.500,00) com a série fotográfica “Alice e Chá Através do Espelho”, no qual a personagem do livro de Lewis Carrol está inserida como um ser marginal. Dividem o segundo lugar (prêmio de R$ 2.000,00) dois artistas, Bia Leite, de Brasília (DF) e Guilherme Gadalhe, do Rio de Janeiro (RJ). Bia apresenta pinturas da série “Criança Viada”, na qual reproduz em tecnicas de arte urbana fotografias enviadas por internautas para seu blog www.criancaviada.tumblr.com. Guilherme mostra o ensaio “Melancolias Rasantes”, composto por corpos entrelaçados sobre projeção de mestres da pintura clássica. Em terceiro lugar (prêmio de R$ 1.000,00) está o artista Rodrigo Mogiz, de Belo Horizonte (MG). Seus bordados sobre tranparências e sobreposições de tecidos nos convidam a desvendar narrativas que tocam em questões afetivas e sexuais das relações humanas.

Artistas selecionados:

Foram selecionados trabalhos de Gabriela Vanzetta, de São Paulo, que discutem a deformação do corpo, e de Lucas Ávila, de Belo Horizonte (MG), que mostra imagens captadas no submundo de Belo Horizonte. Os trabalhos de Rosa Luz, de Brasília (DF), relacionam política e direitos humanos em fotografias nas quais ela mesma é o personagem. Wagner Pina, de Campina Grande (PB), apresenta série de fotografias que revela a beleza, a nudez e o desejo por trás do corpo transgenero, o coletivo M2, de São Paulo (SP) participa com um ensaio fotografico íntimo e sutil e o coletivo Genders Brasil, também da capital paulista, exibe fotografias sobre o universo dos trans homem.

Serviço:

“Gênero e identidade: Edital GLTB de Artes Visuais”
Abertura: 14 de novembro de 2015, das 13h às 19h
Período expositivo: 15 de novembro a 14 de janeiro de 2015

Transarte Brazil

Cerqueira Cesar: Alameda Santos, 1.518, conj. 71 e 72, tel. 3142-9975 e 98462-3434. Ter. a sex., 13h/20h; sáb., 13h/17h. www.transarte.net | www.facebook.com/TransarteBrazil

Genders-Brasil-fotografia-digital
Genders-Brasil-fotografia-digital

Se cadastre no nosso MAILING e fique por dentro de tudo o que está rolando aqui!

Comments

comments

Natt Naville

Natt Naville

Veja todos os posts

Natt Naville é jornalista e gosta de tudo que envolve o universo da comunicação. Entre palavras e histórias: Música. Música para tocar, para ouvir e dançar. Editora do Mistura Urbana, gosta de criar, recriar e se reinventar. Vive no paraíso azul da Grécia.