Grupo de deputados francês quer tornar obrigatório os supermercados entregarem alimentos não vendidos para a caridade - MISTURA URBANA

Grupo de deputados francês quer tornar obrigatório os supermercados entregarem alimentos não vendidos para a caridade

BJTDDP

Um grupo de deputados franceses apresentou um projeto de lei para tornar obrigatório que os supermercados entreguem todos os alimentos não vendidos, que sejam ainda bons para consumo para a caridade.

Muitas cadeias de varejo na França já doam produtos não vendidos para instituições de caridade, mas 63 deputados de todo o espectro político gostariam de ver a prática constando na lei. No final de julho, eles apresentaram um projeto de lei tornando obrigatório para supermercados com 1.000 metros quadrados a dar esses alimentos.

A Bélgica tornou-se o primeiro país europeu a introduzir uma lei semelhante em maio. O movimento seguiu as propostas da União Europeia para melhorar etiquetas em café, arroz, massas secas, queijos duros, geléias e pickles para ajudar a reduzir cerca de 100 milhões de toneladas de alimentos desperdiçados em toda a Europa a cada ano.

Os deputados franceses acreditam que, apesar de um “pacto nacional contra o desperdício de alimentos”, lançado no ano passado na França, medidas como essa destinadas a impedir que alimentos sejam jogados fora, ainda sejam insuficientes.

via

Se cadastre no nosso MAILING e fique por dentro de tudo o que está rolando aqui!

Comments

comments

Natt Naville

Natt Naville

Veja todos os posts

Natt Naville é jornalista e gosta de tudo que envolve o universo da comunicação. Entre palavras e histórias: Música. Música para tocar, para ouvir e dançar. Editora do Mistura Urbana, gosta de criar, recriar e se reinventar. Vive no paraíso azul da Grécia.

0 Comentários

Junte-se a conversa →

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *