Coletivo Pi apresenta sua ousada performance 'Contornos' no Sesc Ipiranga - MISTURA URBANA

Coletivo Pi apresenta sua ousada performance ‘Contornos’ no Sesc Ipiranga

IMG_4469

Quatro mulheres em uma performance utilizando seus corpos para deixar suas marcas em uma tela. É assim que o Coletivo PI questiona de forma poética os contornos que definem, diferenciam e segregam a mulher na sociedade.

O Coletivo Pi é famoso por realizar performances e intervenções urbanas ousadas e efêmeras na cidade de São Paulo, unindo diferentes linguagens, como teatro, dança, performance e artes visuais, para compor suas criações.
Agora o coletivo pretende surpreender o público novamente, com sua performance chamada “Contornos”, onde cada integrante utiliza o seu próprio corpo para pintar e compor uma tela, que ao final ficará em exposição para o público, estimulando a curiosidade também dos transeuntes.

A base da pesquisa do grupo é o diálogo entre o artista e o espaço, na construção de formas poéticas que representem e transformem um espaço (físico ou imaginário), resgatando memórias, discutindo suas funções e propondo novas percepções nas relações entre o sujeito e a cidade.

DSC_0147

O grupo mantém o seu processo pensando e realizando intervenções e performances urbanas, sob a ótica do gênero feminino, reafirmando a rua e locais utilizados cotidianamente como espaços da experiência, memória e afetividade.

“A performance encara o corpo como nosso território, a materialidade de nossa existência e pensa sobre os contornos femininos, como eles definem e segregam, quais as possibilidades transitórias de um corpo que é território, quais os carimbos que deixamos ou levamos em nossa relação com a cultura/cidade, que também é território, porém coletivo.” Explica uma das diretoras do Coletivo Pi, Pâmella Cruz.

Sobre o processo de criação ela comenta: “O trabalho surgiu da ideia de carimbar muros da cidade com as marcas de corpos, imprimindo cor e movimento, usando a materialidade do corpo como instrumento principal para feitura da tela, deslocando a importância da obra para o momento de sua criação.”

Este trabalho acompanha a perspectiva de pesquisa em site specific do Coletivo PI, sendo desenvolvido em diálogo com o espaço da ação. A performance Contornos já foi realizada na Virada Cultural de 2014 em uma grande tela branca e, agora, no Sesc Ipiranga será realizada nos tapumes de madeira do portão lateral da unidade.
A preparação corporal foi realizada por Marcelo D’Avilla, que é bailarino e performer, e a coreografia é de Ednei Reis. E ainda, como convidados estão: Emanuela Araújo e Rodrigo Spavanelli.
O público poderá assistir a ação a partir da Rua dos Patriotas, que é fechada aos domingos. E a obra ficará exposta para curiosidade dos transeuntes.

Confira o teaser da performance:

Ficha Técnica

Criação e Produção Geral: Coletivo PI Performers: Chai Rodrigues, Emanuela Araújo, Natalia Vianna, Pâmella Cruz e Priscilla Toscano
Preparador Corporal: Marcelo D’Ávilla Coreografia: Ednei Reis
Equipe de Produção: Jean Carlo Cunha, Mari Sanhudo e Rodrigo Spavanelli
Assessoria de Imprensa e Comunicação: Luciana Gandelini

Serviço

“CONTORNOS”
Sesc Ipiranga
Avenida Bom Pastor n° 822, Ipiranga
Datas: 11 e 25 de janeiro de 2015
(domingos)
Horários: 17h00
Duração: 30 minutos
Entrada Gratuita
Recomendação Livre
A ação acontece no Portão lateral do Sesc
Ipiranga, na Rua dos Patriotas, junto aos
Portões das Docas.
Para saber mais aqui.

IMG_4471

 

 

Se cadastre no nosso MAILING e fique por dentro de tudo o que está rolando aqui!

 

Comments

comments

Natt Naville

Natt Naville

Veja todos os posts

Natt Naville é jornalista e gosta de tudo que envolve o universo da comunicação. Entre palavras e histórias: Música. Música para tocar, para ouvir e dançar. Editora do Mistura Urbana, gosta de criar, recriar e se reinventar. Vive no paraíso azul da Grécia.

0 Comentários

Junte-se a conversa →

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *