Urban Alphabets cria o mapa tipográfico de São Paulo

Urban Alphabets cria o mapa tipográfico de São Paulo

unnamed

Mapear as principais capitais do mundo por suas….letras. Essa diferente proposta é o que norteia a obra Urban Alphabets, da finlandesa Suse Miessner, que expõe na terceira edição do SP_Urban Digital Festival.

A obra colaborativa propõe o mapeamento da cidade com diferentes tipografias encontradas nas ruas. Por meio de um aplicativo homônimo, o usuário registra seu próprio “alfabeto urbano” – tirando fotos pela cidade e transformando imagens em letras. O conteúdo fica registrado no app e site do projeto.

Desta forma, cada cidade pode ser mapeada com vários alfabetos criados por seus cidadãos, e é possível combiná-los para criar mensagens diversas. Urban Alphabets propõe mostrar uma face das cidades que quase ninguém vê: a tipográfica.

Durante o festival, os alfabetos e mensagens criados em São Paulo serão exibidos por vídeo na Galeria Digital do SESI. O principal objetivo é encorajar os participantes a criarem uma identidade visual diferente para São Paulo. Aproveita que esta é a última semana do Festival e se liga na programação completa aqui.

Sobre a artista:

Suse explora a inter-relação de novas tecnologias e o comportamento das pessoas em espaços públicos contemporâneos. Formada em Arquitetura e New Media Art, ela explora os limites e as relações de ambas as disciplinas. Seu principal interesse permanece no comportamento humano.

Serviço:

Urban Alphabets @SP_Urban Digital Festival

Data: todos os dias, até o dia 07/12/2014.
Horário: das 20h às 06h (as obras se revezam na fachada e nos telões)
Local: Galeria Digital do SESI (fachada do prédio da FIESP) e Alameda das Flores (em frente, do outro lado da rua)
Ingressos: Evento gratuito

Urban-Alphabeths-by-Suse-Miessner_3_WEB

 

 

Se cadastre no nosso MAILING e fique por dentro de tudo o que está rolando aqui!

 

Comments

comments

Natt Naville

Natt Naville

Veja todos os posts

Natt Naville é jornalista e gosta de tudo que envolve o universo da comunicação. Entre palavras e histórias: Música. Música para tocar, para ouvir e dançar. Editora do Mistura Urbana, gosta de criar, recriar e se reinventar. Vive no paraíso azul da Grécia.

0 Comentários

Junte-se a conversa →

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *