Praça Victor Civita recebe o festival Prototype :: sustentabilidade na arte - MISTURA URBANA

Praça Victor Civita recebe o festival Prototype :: sustentabilidade na arte

unnamed-1

A Praça Victor Civita em São Paulo, local reconhecido por ser histórico e também com ideias de readequação do espaço urbano por meio de iniciativas sustentáveis recebe nos dias 12 e 13 de abril o PROTOTYPE – Festival de Sustentabilidade na Arte.

Por meio de manifestações artísticas inusitadas e surpreendentes, o Prototype procura incorporar a prática da sustentabilidade no nosso cotidiano. Entre as ações de incentivo à “economia verde”, o festival se esforça para ser auto-suficiente em termos energéticos, utilizando somente energia provida por pedaladas de bicicleta: a bike-geradora. Todas as atividades que acontecem durante o Prototype têm como desafio utilizar o mínimo de energia elétrica para sua realização.

Confira a programação:

O Piquenique coletivo no deck da Praça vai ser uma ótima chance de juntar os amigos, as crianças, e valorizar uma vida mais saudável, sustentável e feliz. Para ambientar o local, coletivos que organizam festas de rua vão se apresentar: Metanol na Rua, Pilantragi e Saloon das Minas, Barulho, além do DJ ambulante Chico Tchello. O coletivo Chippanze.org faz som com videogames transformados em controladores musicais eletrônicos.

Um dos destaques do festival é a escultura do artista Jum Nakao no centro da Praça Victor Civita, criada especialmente para o evento. A escultura se inspira na ideia da fonte e provoca no público a experiência de mergulho em sentimentos antagônicos. Outra atração é a instalação sonora participativa “Fruta faz música” dos artistas berlinenses Jan Brokof e Gregor Knüppel. A instalação funciona com uma bateria composta por frutos cítricos, que precisam ser constantemente trocados pelo público para continuar gerando seu som.

unnamed

Atividades com os coletivos urbanos Ogangorra, Rios e Ruas, Horta das corujas, Ciclomídia e A batata precisa de você também marcam o Festival. Cada coletivo irá propor atividades e intervenções que relacionam sustentabilidade e arte. Oficinas de horta urbana, bike party e outras intervenções acontecerão ao longo do festival, que também propicia o intercâmbio entre esses coletivos e o público, oferecendo-se como plataforma para suas iniciativas.

O Prototype chamou o coletivo CRU, que vai mostrar como explorar todas as potencialidades de uma bike, ativando um cinema através de pedaladas. Afinal, a bicicleta é meio de transporte, esporte, lazer, mas, com a participação de todos também pode ser fonte de energia limpa e renovável. Serão exibidos curtas-metragens, como a série “Senha Verde”.

O Festival vai expor obras feitas por alunos do CEU Jaguaré como resultado de oficinas ministradas na semana anterior. Uma escultura chamada “Homem de Lixo” feita de material descartado é a proposta do grupo Urban Trash Art, dos artistas Rodrigo Machado e Pado de São Paulo. Questionando o consumo e tendo como matéria-prima o lixo, os jovens reutilizam de forma criativa esses materiais, dando forma a um ser humano. http://urbantrashart.blogspot.com.br. Também a dupla 44Flavours dos berlinenses Julio Rölle e Sebastian Bagge vai atrás de objetos antigos e sem utilização que guardam histórias curiosas, assim como os abrigos desses objetos. A atividade tem relação com a ideia de upcycling, ou seja, criar uma nova história para os objetos, valorizando-os. Ação e reação, intuição e experimento fazem a obra acontecer. http://www.44flavours.com

Para quem busca discutir sobre as interfaces entre arte e sustentabilidade, o Prototype terá discussões em diversos formatos com coletivos do Festival e pensadores como Claudia Mattos e Marcos Nobre. Estão previstas apresentações de projetos inovadores, como o do artista e empreendedor alemão Pablo Wendel, fundador da empresa Performance Electrics. A empresa fornece energia elétrica gerada pela arte, a chamada Kunststrom, incluída na rede pública de energia eléctrica da Alemanha. Museus, coleções de arte, festivais, assim como residências utilizam energia da Kunststrom.

Para conferir a programação do festival acesse: http://prototypefestival.com.br/programacao/

Comments

comments

Natt Naville

Natt Naville

Veja todos os posts

Natt Naville é jornalista e gosta de tudo que envolve o universo da comunicação. Entre palavras e histórias: Música. Música para tocar, para ouvir e dançar. Editora do Mistura Urbana, gosta de criar, recriar e se reinventar. Vive no paraíso azul da Grécia.

0 Comentários

Junte-se a conversa →

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *