O cativeiro da tristeza e da solidão - MISTURA URBANA

O cativeiro da tristeza e da solidão

Todos nós (ou quase) gostamos muito de ir ao zoológico, observar os animais, talvez até tocá-los, mas jamais vamos saber como eles se sentem estando ali, como meros objetos de exposição.

Gaston Lacombe, um fotógrafo canadense, conseguiu transmitir através de suas lentes o que esses animais sentem. Na grande maioria das vezes, tristeza e solidão.

Ele viajou por nove países em cinco continentes (sem identificar quais) e viu situações de animais em lugares apertados, muitas vezes sem luz ou tratamento adequado para que pelo menos um pouco, que o ambiente fosse parecido com o habitat natural de cada um.

Segundo ele mesmo, sabe da importância de alguns animais estarem em cativeiro por conta de fatores como extinção e um ambiente sem perigos para a reprodução dos mesmos, mas ainda assim, defende o fechamento da maioria dos lugares que visitou.

“Os bichos presos são explorados e apenas contribuem para o enriquecimento dos donos dos parques”, disse.

06983289000 06983289100 06983289200 06983289300 06983289400 06983289500 06983289600 Gaston_Lacombe_Captive_008 Gaston_Lacombe_Captive_009 Gaston_Lacombe_Captive_0011 Gaston_Lacombe_Captive_012 Gaston_Lacombe_Captive_014

Comments

comments

0 Comentários

Junte-se a conversa →

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *