Para inspirar os dias frios - Fotos de Satoki Nagata - MISTURA URBANA

Para inspirar os dias frios – Fotos de Satoki Nagata

"Lights in Chicago" Satoki Nagata

A série “Lights in Chicago” foi feita no inverno da cidade , ele que é conhecido por seu trabalho documental apresenta uma das estações do ano de forma fascinante. Satoki Nagata produziu fotografias abstratas em preto e branco onde retrata pessoas comuns nas ruas com baixas temperaturas.  O projeto é bastante realista, Nagata utiliza flash em suas imagens e um obturador com baixa velocidade , a exposição cria reflexos produzindo um efeito dramático.

A história de Nagata com a fotografia começou depois de se formar na Universidade, ele concluiu  o curso de Neurociência, logo após mudou-se para o EUA e começou a usar uma câmera para fotografar a cidade e moradores. Apesar de nunca ter recebido educação formal em fotografia, ele estudou fotografia de arte e documentário com o fotojornalista Damaso Reyes , suas aulas começaram em 2009 , hoje ele é especialista em foto documental.

” Meu objetivo como artista é encontrar e mostrar as várias conexões que formam a realidade em que a cidade e seu povo existe.  Eu aprendi com o Budismo  que a nossa existência é composta de vários relacionamentos. Essa ideia me inspirou a usar a fotografia para criar relações com o mundo para me encontrar. A câmera é uma ferramenta poderosa que me permite não só abordar o assunto, mas captar as relações “, disse Nagata em uma entrevista.

 

 

''Lights in Chicago" Satoki Nagata

 

"Lights in Chicago" Satoki Nagata

 

'Lights in Chicago" Satoki Nagata

 

"Lights in Chicago" Satoki Nagata

 

"Lights in Chicago" Satoki Nagata
"Lights in Chicago" Satoki Nagata
"Lights in Chicago" Satoki Nagata

 

"Lights in Chicago" Satoki Nagata
"Lights in Chicago" Satoki Nagata
"Lights in Chicago" Satoki Nagata

 

Para conferir mais sobre o trabalho de Satoki Nagata , acesse:

http://www.flickr.com/photos/[email protected]/

http://www.satoki.com/about

Comments

comments

0 Comentários

Junte-se a conversa →

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *