Designers contra a escravidão sexual infantil - MISTURA URBANA

Designers contra a escravidão sexual infantil

 

A organização Designers Against Child Slavery, baseada na Flórida, Estados Unidos, conta com o trabalho de designers de 20 países diferentes para lutar a sua maneira contra a escravidão, tráfico e exploração sexual infantil.

O terceiro projeto lançado por essa galera se chama “Reclaim” e é baseada na história da tailandesa Mint, uma sobrevivente do tráfico e exploração sexual (algo que assola aquela região).

A própria DACS se define como: “Queremos ver o quão eficazes podemos ser quando, como artistas, começamos a quebrar as fronteiras da cultura, raça, religião, e nos unir apenas por uma causa, e utilizar nossos talentos e estilos para dar voz aos sem voz.”

“Reclaim” se deu depois do coletivo de artistas compartilhar a história de Mint à fim de repassar suas experiências e sensibilizar mais artistas para que através da arte pudessem contar sua história e lutar por sua causa.

Nesse projeto trabalharam cerca de 40 designers do mundo todo e ao longo de 10 meses fizeram algumas das imagens que você vê neste post. Aproveite para assistir o vídeo também.

A “Designers Against Child Slavery” é uma organização sem fins lucrativos e que usa de suas exposições para chamar a atenção para esse problema e assim angariar fundos para poder ajudar as pessoas que direta ou indiretamente sofrem com a escravidão sexual infantil.

Comments

comments

0 Comentários

Junte-se a conversa →

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *