Corpo Cidade Ruína - MISTURA URBANA

Corpo Cidade Ruína

Oficina dá início a ciclo sobre arte e cidade

O V Encontro Meme de Arte Experimental, que nessa edição tem como tema “Arte de acessar a cidade… um caminho contínuo”, será realizado em um ciclo de 4 estações. A proposta prevê que as estações do ano e as transformações que operam na cidade inspirem momentos de criação, interlocução e vivências voltadas para a relação do corpo com o espaço urbano, proporcionando um processo de ações e reflexões sobre as diferentes formas artísticas de acessar e atuar na cidade.

A primeira etapa inicia dia 24 de agosto. A programação abre com a performance “Empilhamentos”, do artista visual Ernani Chaves. Na sequência acontece um laboratório de criação e reflexão sobre as relações entre o corpo e a cidade. A oficina terá a “ruína” como ponto de partida, trabalhando qualidades e relações como: o corpo e a arquitetura, a permanência e a impermanência, a lembrança e o esquecimento, a construção e a destruição. Através da experiência da deriva e da vivência em uma ruína será proposta a criação de intervenções poéticas.

O evento integra o Programa MEME Quatro Estações de Cultura que conta com patrocínio da FUNARTE, e tem a curadoria coletiva de Gabriela Canale, Letícia Coelho, Luciano Montanha e Paulo Guimarães

Serviço
O quê: performance aberta com Ernani Chaves e oficina de criação Corpo-Cidade-Ruína
Onde: Meme [Rua Lopo Gonçalves, 176 – Cidade Baixa] e Casa Comum [Rua Sofia Veloso, 68 – Cidade Baixa] – Porto Alegre

Quando: 24 de agosto às 20h – performance com Ernani Chaves
25 e 26 de agosto, das 10h às 13h, das 14h30 às

Comments

comments

0 Comentários

Junte-se a conversa →

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *