A criatividade dos artistas - MISTURA URBANA

A criatividade dos artistas


A criatividade das pessoas é realmente impressionante, é algo que não tem receita, códigos ou fórmulas. O artista é aquele que cria, pensando naquilo que ninguém esperava. Separamos algumas imagens que se destacam pela sua originalidade e claro, criatividade. Materiais que possuem somente uma finalidade aos olhos da maioria, mas podem ser usados para expressar arte e inspirar outras pessoas. Confira!

Cubos de Rubik
Criada pelo Cube Works Studio, essa é uma colaboração de arquitetos gráficos que usam o Cubo de Rubik para fazer retratos incríveis. Essa em especial de arte pop! Legal, não?

Parafusos
Andrew Myers é um dos mais pacientes escultores nos dias de hoje. É praticamente um multi-artista com um processo minimalista. Esta escultura começa com um painel de compensado de madeira como base, coloca páginas de um livro de telefone em cima e faz uma média de 8.000 a 10.000 buracos, com a mão. De brocas e parafusos nasce um rosto.

Giz de cera
A artista Christian Faur cria retratos em 3D feitos inteiramente de giz de cera! Devido à natureza tridimensional do lápis, as imagens da superfície individual parecem mudar de forma como se move sobre o espaço da galeria. As imagens desaparecem completamente quando vistas de perto, permitindo que se possa ler o objeto na horizontal. Hipnotizante e bonito.

Disquetes
Nick Gentry sabe como ser inusitado! Gentry pinta seus retratos não em uma tela tradicional, mas sim em disquetes antigos. Sua arte mergulha entre o impacto da internet e a cultura.

Copos de café
Que tal uma Mona Lisa composta por 3.604 xícaras de café? Incrível, não? Pois é, Elaine Kelly e mais 7 pessoas preencheram cada copo com diferentes quantidades de leite e café preto. E construíram uma imagem de aproximadamente 20 metros de altura e 13 metros de largura. Foram três horas para ser concluída!
A Mona Lisa já foi reproduzida tantas vezes e em tantos meios diferentes, mas sabemos que com copos de café, não né? (Foto de Gilles Gravier.)

Sacos de velocidade
Em homenagem a um dos maiores pugilistas de todos os tempos, Muhammad Ali. Esta arte é composta de 1.300 sacos de boxe de velocidade, a instalação fica 22 pés de altura e é sustentada por cinco milhas do cabo de aço inoxidável e 2 quilômetros de tubos de alumínio. O internacionalmente aclamado artista e escultor Michael Kalish é o homem por trás dessa idéia.

Mapas, Atlas e Encilopédias
O Artista Matthew Cusick não usa lápis ou tinta em sua arte, mas sim pedaços de mapas, atlas, enciclopédias e livros escolares, para criar colagens que parecem desenhos ou pinturas.

Calendários, postais, fotografias, velhos cartões…
Mosaicos são impressionantes! Esse criado pelo artista Sandhi Schimmel Gold. Schimmel é feito por todo tipo de papel que ele puder encontrar (calendários, postais, fotografias, velhos cartões, etc) e depois monta suas peças para criar um retrato.

Fita de filmes
A artista Erika Iris Simmons trás os ícones do cinema de volta à vida! Marilyn Monroe, Audrey Hepburn e Fred Astaire estão surpreendentemente re-criadas com apenas um velho rolo de filme, reciclado e fita.

Lista telefônica
Pegue uma agenda telefônica e um pouco de tinta, agora crie uma imagem, fácil não? Não exatamente. O detalhismo de Alex Queral em suas esculturas em relevo dimensional não é tão fácil de criar, mas o resultado é impressionante!

CD`s
A agência de publicidade TBWA de Milão, Itália não ficou de fora de nossa seleção. Com uma ideia brilhante para a inauguração do Primeiro Andar Under, uma revista de cultura pop de vanguarda, eles produziram cartazes de vários artistas usando CDs!

Livros
Para promover a Semana anual do Livro na Holanda, a agência de publicidade Van criou uma campanha destacando artisticamente a autobiografia. O projeto foi conceituado por Markus Ravenhorst e Reynen Maarten.

Dados
Para se despedir de um amigo que partiu dessas para melhor, Frederick McSwain decidiu fazer uma homenagem, usou 13.138 dados para criar um retrato imenso do amigo. O retrato recebeu o nome de “Die”.

Fios
Daniel Kornrumpf é capaz de imitar pinceladas de tinta excepcionalmente bem. Suas peças são tão realistas que podem passar quase como pinturas, mas na verdade são bordados!

Ovos de madeira
Mas Oksana é um artista muito habilidoso, ele cria belos retratos usando apenas ovos pintados à mão em madeira para montar mosaicos incríveis. Recentemente, criou vários mosaicos como o ovo da Páscoa para a Bienal de Veneza, onde os ovos de madeira estavam cobertos de desenhos tradicionais da Ucrânia para celebrar a Páscoa.

Círculos
Apesar de Ben Heine é bem conhecido por sua série Camera Lápis muito inteligente Vs, muitos podem não saber sobre seu set Circlism Digital. Heine criou uma nova técnica digital em que os círculos são seletivamente colocada sobre um fundo preto. Usando uma escova redonda afiada no Photoshop CS4, ele faz esses círculos de diferentes tamanhos e cores, até que num passe de mágica forma um rosto familiar.

Palhetas
Este mosaico do Jimi Hendrix foi feito com mais de 5000 palhetas pelo artista Ed Chapman. O retrato foi leiloado por 37.200 dólares no Abbey Road Studios em Londres, como parte do Cancer Research & fundraiser Vision.

Comments

comments

1 Comentários

Junte-se a conversa →

  1. Ótimo post!

    Gabriela Canale / Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *